Você está aqui: Home / Pré-Vestibular / Notícias / MEC divulga guia de redação do Enem 2013
Aumentar Fonte Imprimir
Compartilhe:
Publicado em 06/09/2013

MEC divulga guia de redação do Enem 2013

Candidatos inscritos no Enem 2013 poderão ter mais detalhes sobre os critérios de correção da redação e ver exemplos de bons textos em edições passadas da prova.

O Ministério da Educação divulgou hoje o guia de redação do Enem deste ano, a exemplo do que foi feito em 2012.

O material esclarece, por exemplo, dúvidas recorrentes dos estudantes (número mínimo de linhas, obrigatoriedade ou não do título, uso do novo acordo ortográfico), detalha as cinco competências avaliadas e traz exemplos de redação com nota máxima na edição do ano passado. \"É para ele saber o padrão que se espera de uma excelente redação\", disse o ministro Aloizio Mercadante (Educação) em coletiva de imprensa.

O guia lembra ainda que terá nota zero o candidato que incluir trechos indevidos na prova de redação - medida tomada após divulgação de redações que incluíram receita de miojo e trecho de hino de futebol.

O guia de redação do Enem 2013 estará disponível apenas na internet. O MEC afirma que entrou com contato com secretarias estaduais e municipais para divulgar o conteúdo. No ano passado, 1,6 milhão de exemplares foram distribuídos para alunos da rede pública e outros 100 mil para professores.

Execpcionalidades

Entre os exemplos de redações com nota máxima, o guia traz um texto em que a palavra \"espanhóis\" carece de acento num determinado trecho da redação.
Segundo o ministro, o exemplo com um erro de acentuação foi proposital, para mostrar que casos excepcionais podem não ser punidos. Edital do Enem deste ano prevê que \"desvios gramaticais (...) serão aceitos como excepcionalidade e quando não caracterizarem reincidência\".

Nesse texto, citado no guia, a palavra aparece três vezes e em apenas uma o acento é esquecido. \"O entendimento dos especialistas é que isso mostra o completo domínio da norma culta. Você tem uma pessoa sob pressão [fazendo a prova]\", disse Luiz Claudio Costa, presidente do Inep, órgão do MEC responsável pelo exame.
Mercadante destacou que neste ano foi ampliado o número de corretores das redações - ao todo serão 9.500. \"Ampliamos para ter capacidade operacional e conseguir cumprir os prazos\", disse.

Gestantes

O ministro lembrou ainda de casos especiais que são alvo de atenção da pasta, como candidatos com deficiência ou grávidas. Na edição deste ano, 3.108 candidatas gestantes estão inscritas no Enem. Dessas, 517 têm nascimento do bebê previsto para o período próximo à data do exame, agendado para 26 e 27 de outubro.

Mais informações acesse: www.enem.inep.gov.br 

Fonte: GAZETA DO POVO

Facebook
Twitter

Rua Arapongas, 4316, Centro 87502-180 - Umuarama - PR
44 3626-4080
© ALFA. Todos os Direitos Reservados   |   Mapa do Site   |   Acesse também:    Integral Maringá   Integral Toledo    Integral Marechal    Integral Itajaí
Prestige