Você está aqui: Home / Pré-Vestibular / Notícias / Governo Federal anuncia curso de MEDICINA para Umuarama
Aumentar Fonte Imprimir
Compartilhe:
Publicado em 09/07/2013

Governo Federal anuncia curso de MEDICINA para Umuarama


foto PORTAL AMERIOS

Umuarama - Após uma espera de mais de 15 anos, Umuarama finalmente teve confirmada ontem a liberação de um curso de Medicina para a cidade. O anúncio veio junto com o programa “Mais Médicos” lançada pelo Governo Federal e que também ampliará a presença de mais médicos no interior do estados e nas regiões mais pobres e mais afastadas dos grandes centros.
O curso de Medicina anunciado para Umuarama é reivindicado há mais de vinte anos pela Universidade Paranaense (Unipar). O curso já foi motivo de ação judicial que tramitou até o Superior Tribunal de Justiça, mas nunca saiu a liberação. Na medida anunciada pela presidente Dilma não foi citado o nome da Unipar, mas uma fonte informou ao Umuarama Ilustrado que ela é a única instituição da cidade habilitada para receber o curso, já que tem toda uma estrutura montada e reivindicava o curso. O número de vagas também deverá ser confirmado nos próximos dias. 
Agora, o governo federal encaminhará ao Congresso uma medida provisória que institui o programa “Mais Médicos” e cria nos cursos de medicina um novo ciclo de dois anos para atuação na atenção básica e nos serviços de urgência e emergência, período em que acadêmicos de instituições públicas e privadas obrigatoriamente precisarão atuar no serviço público. A regulamentação pelo Conselho Nacional de Educação deve acontecer num prazo de 180 dias.
A Universidade Estadual de Maringá chegou a mencionar que pretende instalar um curso de Medicina em Umuarama, no entanto, o curso terá de ser aprovado primeiro pelo Governo do Paraná e não pela União. 
Agora compete à Unipar iniciar os preparativos para disponibilizar as vagas aos interessados e definir qual hospital será o parceiro do curso. Conforme já havia mencionado o governador Beto Richa, o curso poderá formar uma parceria com o Hospital do Câncer e o Hospital Regional que estão em fase final de construção e com previsão para funcionar no próximo ano. Caso o tempo permita a tramitação dos documentos, o primeiro vestibular deverá ocorrer no próximo ano. A direção na Unipar preferiu não se pronunciar ontem. 
Deputados elogiam 
Os deputados federais por Umuarama e região, Dr. Osmar Serraglio e Zeca Dirceu divulgaram nota enaltecendo a conquista de Umuarama. “É uma pena que as consequências de todo esse período só serão reparadas com dez anos ou mais, em razão do tempo que leva para formar um profissional e introduzi-lo ao mercado de trabalho, mas sempre há tempo para reparar”, disse Dr. Osmar. Segundo o parlamentar, antigamente, havia uma política de dificultar a criação de novas vagas, o que fez com que a Unipar discutisse na Justiça, indo até o Superior Tribunal de Justiça, o seu direito de criar o curso, mas teve a oposição ferrenha do MEC. “Hoje, como o país sofre as consequências o Governo tem uma nova visão e autoriza o curso para Umuarama. Enfim recebemos o reconhecimento e teremos o direito de formar médicos aqui”, disse. 
Para Zeca Dirceu, a liberação do curso de Medicina em Guarapuava, Pato Branco e Umuarama, reivindicação que ele também participou, “é uma conquista enorme para o Paraná. Este anúncio representa a preocupação e trabalho efetivo do governo federal pelas melhorias na saúde reivindicadas pela população”, destacou Zeca, em relação ao programa que terá a criação de 11.447 novas vagas de graduação em Medicina até 2017, distribuídas em 117 municípios de todo o país.

Fonte: UMUARAMA ILUSTRADO

Facebook
Twitter

Rua Arapongas, 4316, Centro 87502-180 - Umuarama - PR
44 3626-4080
© ALFA. Todos os Direitos Reservados   |   Mapa do Site   |   Acesse também:    Integral Maringá   Integral Toledo    Integral Marechal    Integral Itajaí
Prestige